About Me

"E não havia mais ninguém na novela na altura do Crô", disse Aguinaldo Silva após mudar sinopse, Ferdinand era o amante de Crô

reprodução/TVGlobo
Em entrevista à revista Caras, o novelista Aguinaldo Silva, disse que Ferdinand (Carlos Machado) era desde o início o amante de Crô (Marcelo Serrado), mas mudanças na sinopse original da novela o fizeram a mudar tudo, afinal, novela é uma obra aberta: "E o Crô se tornou um personagem maior que a vida e eu tive que utilizar o Ferdinand como cúmplice de Tereza Cristina. Aí ele se tornou impossível de ser o amante de Crô, porque o Crô jamais namoraria um filho da p... que nem ele", explicou o novelista.


Quanto a torcida para que Baltazar (Alexandre Nero) fosse amante do mordomo ele disse "Não havia mais ninguém na novela na altura do Crô." Silva, ainda comenta que ficou nítido que Íris (Eva Wilma) e Alice (Thaís de Campos) tinham um caso, no antepenúltimo capítulo da novela Íris disse que escolheu Alice como sua companheira para a vida. Além da relação dúbia de Pereirinha (José Mayer) com o tal chinês.

Categórico ele rebate as críticas que tem sofrido e disse que as pessoas o odeiam: "As pessoas têm um ódio de mim que é uma coisa absurda, eu sei que não sou uma pessoa má". E que tirará férias - que por contrato é de no mínimo de 18 meses e que foi sondado, rapidamente, sobre a possibilidade de fazer um especial de final de ano para Crô "Não vou largar meu personagem" e mais, o autor diz que a Globo que voltar a investir em formados mais rápidos como aqueles da década de 1980 como o Quarta Nobre.

“Eu tenho todos meus textos guardados, mas ainda não tive coragem de ler para ver o que pode ser reaproveitado”.

A entrevista completa você confere AQUI.

Postar um comentário

0 Comentários