About Me

HOMOFOBIA: Casal gay é encontrado morto em canavial em Alagoas

Banner oficial da 16ª Parada do Orgulho LGBT de São Paulo,
que não cita a PLC 122.
Mais um caso bárbaro de homofobia, um casal de homossexuais foi encontrado morto em um canavial  na cidade de Rio Largo, região metropolitana de Maceió. A polícia estava a procura dos dois, desde o dia 28 de março, quando a família deles fez um Boletim de Ocorrência, pelo desaparecimento dos dois. Segundo reportagem do Estadão, a polícia não descarta a possibilidade da morte ter sido causada por homofobia e que estão claras a situação de desova - quando mata em um lugar e joga o corpo em outro. O casal tinha planos de viagem de férias e mantinham um relacionamento há anos.
Os corpos foram encontrados e levados ao IML como indigentes, mas após buscas em hospitais de Alagoas, a família reconheceu o corpo dos dois, Márcio Lira Silva e Eduardo, que não teve o nome completo divulgado.
Os dois estão com olhos perfurados e dedos das mãos cortados, a polícia está investigando as perfurações, já que ambos estavam em decomposição avançada.
BARBÁRIE
Em uma sociedade machista e preconceituosa até quando iremos ter de deparar com este tipo de violência, o pior de tudo, a cada dia homossexuais são assassinados por pura falta de respeito para com o outro, por marginais que não aceitam a diversidade.
Enquanto isso, gays que estão a cada ano lotando micaretas - chamadas de Parada do Orgulho Gay - e em clubes gays, que nada mais é que um filão de globalização, que nada se mostra preocupada com a PLC 122 que criminaliza a homofobia, em uma país sem militância abrangente com gays preconceituosos e homofóbicos, nós estamos cada vez mais encurralados a uma sociedade hipócrita e mesquinha.
Lamentável.

Postar um comentário

0 Comentários