About Me

Campanha antecipada de Haddad mostra a marginalidade petista


"A fala de Lula pode ser caracterizada como propaganda antecipada [...] o pedido de voto não precisa ser feito explicitamente"

"ele vai passar para a história como uma pessoa que colocou mais pessoas no ensino público"

reprodução/SBT

Ontem (31) Ratinho recebeu em seu programa o ex-presidente Luís Inácio Lula de Silva que entre outras coisas anunciou sua candidatura para 2014 "A única hipótese é se ela [Dilma] não quiser. E eu não vou permitir que um tucano volte à Presidência do Brasil". Mas na verdade o que realmente aconteceu foi a campanha escancarada a favor do petista Fernando Haddad, ex-ministro da Educação, tirado do cargo no ano passado para concorrer à prefeitura da cidade de São Paulo, que nas pesquisas de intenções de votos empaca no quarto lugar.
Ratinho mosotrou um vídeo sobre a vida de Vanessa - filha de um pedreiro - que conseguiu entrar na faculdade através do Prouni (programa Universidade para Todos) que ajuda 'pobres' a ingressarem na vida acadêmica. Não faltaram frases feitas de candidatos "ele vai passar para a história como uma pessoa que colocou mais pessoas no ensino público" disse o ex-presidente quando questionado o porque de Haddad ter sido o escolhido para concorrer à sucessão de Kassab. Assim como não faltaram também as respostas padrão/clichê de qualquer candidato quando questionado sobre um tema abrangente "O que um prefeito pode fazer pela saúde?" em uma pergunta boba para uma resposta decorada "O médico que começa um atendimento não sabe o que acontece e a história do paciente [...] vamos apresentar para São Paulo um programa de gestão." No tom de Arquivo Confidencial apareceu Ronaldo Nazário "Ele foi um grande presidente e está de volta fazendo o que mais gosta: política", fato fazendo política.
Segundo reportagem do jornal Folha de S. Paulo de hoje (01/06/2012) "a fala de Lula pode ser caracterizada como propaganda antecipada [...] o pedido de voto não precisa ser feito explicitamente" disse Pedro Barbosa Pereira Neto, procurador regional eleitoral para a o jornalista Sylvio Navarro. A multa para propaganda antecipada é de R$ 5 mil, todos os envolvidos (Lula, Haddad e SBT) podem ser multados. Se eleito Haddad pode responder o processo pelo abuso "e ficaria sujeito à cassação do mandato". Emocionado Lula disse "Esse terno aqui comprei quando estava internado no hospital, preparando para pôr no caixão, porque não ia com terno velho"disse ao comentar o que passou nos últimos meses com o tratamento contra o câncer.
Para um bom entender uma vírgula basta, Ratinho fez propaganda antecipada sim para Lula e Haddad, é explícito, assim como é explícito também (desde sempre) o tom popularesco e alienador do programa de Ratinho, desde os tempos de Record, um sem fim de baixaria e ridicularização do telespectador que encara tudo com o sorriso falho da falta de dentes, é como dizem sobre a telenovela atual 'telespectador gosta de se ver na televisão' e no ato de propaganda antecipada e ridicularização humana o telespectador se vê e se curte é o explícito da corrupção brasileira.

Postar um comentário

0 Comentários