About Me

OPINIÃO: Chegou a hora dos gays varrerem o preconceito de suas mentes

O gay, para ter todos os direitos dos 'não gays', precisava se unir, não basta ficar em casa falando mal dos colegas 'micareteiros', mas ir atrás da informação correta, ir atrás daqueles que lutam realmente pelos direitos dos LGBTs
Joel Silva/Folhapress
Na última semana a Parada Gay ganhou vida nas redes sociais, blogs, sites, jornais e revistas, muito diferente do que deveria ser não que isso seja ruim, pelo contrário, mas o ideal mesmo é que seja assunto durante todo o ano e não apenas nos dias que antecedem o evento na Avenida Paulista.
Entre mensagens que li, existem as mais absurdas daqueles que se acham os donos da razão e são completamente arbitrários perante uma opinião oposta, existe aqueles que falam intensamente que a Parada Gay virou um carnaval fora de época, um lugar de pegação e de corpos desnudos. Não vejo problema em ler tantas bobagens, afinal, o mundo é feito de seres humanos, que variam entre os inteligentes, burros, ignorantes e tudo o que se pode imaginar, afinal, que graça teria o mundo se não fossemos diferentes, a discussão não existiria.
A Parada do Orgulho LGBT ganhou público através de sua popularidade, perdeu status conforme sua popularização e foi caminhando até chegar ao popularesco, homos e heterossexuais ganharam as ruas única e exclusivamente atrás de festa, mas sempre existiram aqueles que lutavam em prol da causa gay, mas estes foram conseguindo cada vez menos visibilidade por causa de mídia partidária que temos no nosso país.
Termos dos mais absurdos passaram a designar a Parada Gay e seus participantes, os gays que deveriam criticar ou vão para 'festejar' de forma depreciativa ou ficam em casa se informando através da imprensa que divulgam inverdades e/ou meias verdades.
O gay para ter todos os direitos dos não gays, precisava se unir, não basta ficar em casa falando mal dos colegas 'micareteiros', mas ir atrás da informação correta, ir atrás daqueles que lutam realmente pelos direitos dos LGBTs, afinal, instituições, associações e afins são de monte e principalmente, muitos deles fazem militância digna, a verdade é que n~çao basta deixar de ir para a 'micareta' ou 'darkroom' ao céu aberto, é preciso politizar e se enturmar com aqueles que realmente fazem a diferença.
Antes de criticar e falar bobagens, unam-se aos militantes de verdade, por que chegou a hora dos gays de varrerem de suas mentes o preconceito.
Vamos reciclar!!!

Postar um comentário

0 Comentários