About Me

ELEIÇÕES 2012: Precisamos ter cuidado com a popularidade de Lula, que pode eleger qualquer um

A ascensão do candidato petista Fernando Haddad nas pesquisas eleitorais nada mais é que um reflexo da popularidade de Lula perante o eleitorado brasileiro, afinal, Lula conseguiu eleger Dilma Rousseff, sendo esta sem nunca concorrer uma eleição. Desta vez o cabeça de chapa busca a eleição de Fernando Haddad, aí eu te pergunto: até que ponto a eleição de Haddad vale a pena?
Haddad passou pelo Ministério da Educação e enfrentou um problemão com o ENEM e suas fraudes, assim como outros Ministros que foram 'mandados embora' por inúmeras suspeitas de corrupção, Haddad se safou e saiu a tempo. Mas o que mais lhe prejudicou foi o péssimo "Kit anti-homofobia" que o Ministério teve o desprazer em confeccionar e caiu em uma armadilha sem fim.
Assim como qualquer petista, Haddad não tem minha confiança. A única que tentou e conseguiu por pouquíssimo tempo foi Marta Suplicy, mas esta tem se mostrado cada vez menos preocupada com a causa LGBT, mostrando-se cada vez mais aberta a politicagem do que outra coisa.
Dilma não conquistou meu voto, assim como Lula (este nunca), Haddad teria conquistado mesmo com as falhas mencionadas acima, mas o que mais o prejudica é a aliança com o inescrupuloso Paulo Maluf, por mais alguns minutos na TV, ele consegue ter de mim uma antipatia incomum, se ser petista não bastasse, ele ainda é coligado ao Maluf. Assim fica difícil.
Precisamos ter cuidado com a popularidade de Lula, que pode eleger 'qualquer um' (como ele). Agora, se Haddad terá meu voto ou não, ainda não sei, afinal, a única certeza que tenho é que Celso Russomano, jamais.

Postar um comentário

0 Comentários