About Me

Os maiores desafios de 'Amor de Mãe': manter a audiência e a publicidade

A novela A Dona do Pedaço acabou na sexta (22) na Globo e deixou uma belo desafio para a Amor de Mãe, novela de Manuela Dias, que estreia amanhã na faixa das 21h: manter a audiência alta. Ao contrário da trama de Walcyr Carrasco, que foi feita às pressas, segundo o próprio novelista, a autora Manuela Dias teve bastante tempo para desenvolver a história de Lurdes (Regina Casé ), Thelma (Adriana Esteves) e Vitória (Taís Araújo), as protagonistas da trama.



A expectativa em torno da novela é enorme, é a primeira novela de Manuela Dias, autora de série de grande sucesso de público e crítica: Justiça e Amores Roubados. Dias, alçada para o posto mais importante da teledramaturgia brasileira, bem de uma safra de novos talentos. Nos últimos anos, a Globo promoveu apenas duas estreias na faixa, da dupla Maria Adelaide Amaral e Vincent Villari, embora Amaral já tenha trabalhado como colaboradora de outras novelas, assinou pela primeira vez uma trama das 21h sozinha apenas em 2016 - e não foi feliz no desenrolar das tramas.

Após Manuela, a Globo planeja uma trama de Lícia Manzo, autora de duas novelas das seis A Vida da Gente e Sete Vidas, e colaborou em séries e novelas. Se tudo der certo, nessa sequência de novelas, será a primeira vez em 45 anos, que duas novelas escritas por mulheres, entram na sequência uma da outra. A única vez que isso aconteceu foi em 1974, quando Janete Clair emendou a autoria das novelas O Semideus e Fogo Sobre Terra.



O desafio de Manuela Dias é gigantesco, manter os altos índices de audiência da faixa das 21h é primordial para a Globo - a novela subiu em 8 pontos a audiência da faixa das 21h - e a emissora fez de A Dona do Pedaço, um catálogo publicitário em vídeo de uma nova forma de fazer publicidade. Se antes, as margarinas, refrigerantes ou cervejas apareciam na tela do telespectador como meros figurantes, na novela de Walcyr Carrasco a publicidade virou um personagem no desenrolar das tramas.

Publicidade da Italac no intervalo de "A Dona do Pedaço" (Reprodução)
No artigo, A ficção como vitrine, a professora de antropologia da USP Heloisa Buarque de Almeida, aborda a publicidade na telenovela brasileira: "Um dos pontos de debate constante com a televisão e com as novelas da Globo, e inclusive uma forma de crítica por esses espectadores, é o quanto elas mostram um mundo repleto de bens, gerando o desejo de comprar e consumir nos espectadores".

Almeida, fala ainda que "As ações de merchandising (inclusão de produtos anunciados no meio da narrativa) permitem que a novela use de um recurso muito comum nos anúncios de televisão: o que os publicitários denominam de 'demonstração' do uso do produto, muito citado nos manuais de publicidade. Também o modelo de anúncio denominado 'problema e solução do problema' pode surgir no merchandising."

Antes mesmo da novela Amor de Mãe estrear, já é possível ver duas de suas protagonistas, Adriana Esteves e Taís Araújo, protagonizando o comercial da Italac.

Postar um comentário

0 Comentários