About Me

Dinheiro do 'Sistema S' deve bancar Pronatec, afirma jornal

O dinheiro que o Sistema S, formado por Sesi, Senai, Senac, Sesc, Sebrai e outras entidades menos conhecidas, deverá bancar o Pronatec, após o Governo Federal refazer o orçamento fiscal de 2016, segundo o jornal O Estado de S. Paulo desta segunda-feira, dia 28.
O Pronatec e o Minha Casa Minha Vida deixarão de receber recursos do Tesouro Nacional em 2016 e serão 'bancados' pelo Sistema S e FGTS, segundo a reportagem. O Fundo de Garantia do Tempo de Serviço - FGTS tem como fonte os 8% descontados do salário de cada pessoa com carteira assinada, o Sistema S tem entre 0,2% e 2,5% da folha de pagamento de empresas - quem paga é o empresário e não o trabalhador.
Uma campanha que custará cerca de R$ 30 milhões será realizada para informar a população de que o Minha Casa Minha Vida será financiada agora com o dos trabalhadores, afirma a reportagem.
O Pronatec, que é o Programa Nacional de acesso ao Ensino Técnico e Emprego, voltado ao ensino técnico e profissional, teve as receitas cortadas de R$ 4 bilhões para R$ 1,6 bilhões em 2016, o Governo Federal ainda irá diminuir o percentual de que as empresas pagarão ao Sistema S, destinando ao Pronatec. Ou seja, o 'Sistema S' terá uma queda entre R$ 5 bilhões e R$ 6 bilhões, que será repassadado ao Pronatec.

Postar um comentário

0 Comentários