CPTM declara estado de greve e pode paralisar a qualquer momento

Os funcionários da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos- CPTM declarou em assembleia que estão em estado de greve e que podem paralisar a qualquer momento.
A assembleia foi realizada nesta segunda, dia 22, e a categoria requer que a empresa reveja o pagamento do Programa de Participação dos Resultados - PPR, de 2015.
A classe é representada por sindicatos da Linha 11-Coral, Linha 12-Safira, Linha 10-Turquesa, Linha 7-Rubi, Linha 8-Diamante e Linha 9-Esmeralda.
"Vamos entrar em greve por falta de acordo", afirmou Eluiz lves Matos, presidente do Sindicato dos Ferroviários de São Paulo, segundo o site ABCD Maior. Como a CPTM tem que apresentar um relatório até o dia 26, cogita-se paralisação na próxima segunda (29).

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.