Dilma Rousseff é cassada em decisão histórica

A presidente Dilma Rousseff foi cassada após 61 votos a favor e 20 votos contra, com nenhuma abstenção, é uma decisão história na história do Brasil atual, o Senado aprovou na tarde desta quarta-feira, 31 de agosto de 2016, o impeachment da presidente do Brasil, eleita em 2014 com 54,5 milhões de votos. É a terceira vez que um vice-presidente assume a presidência da república, os dois primeiros foram José Sarney e Itamar Franco. Michel Temer, PMDB, é o 37º presidente da República.
A agora, ex-presidenta Dilma, é a segunda a ser cassada no Brasil desde a democratização em 1985, o primeiro foi Fernando Collor de Melo, em 1992.
Em seu primeiro discurso na TV, transmito por @GERALDOPOST através do Periscope, o presidente Michel Temer disse que a "incerteza chegou ao fim" e  que "o momento é de esperança e de retomada da confiança no Brasil". Em entrevista coletiva na tarde desta quarta-feira, a ex-presidente petista disse que entrará com uma ação alegando "erro formal", pedindo a anulação da votação.


A noite desta quarta-feira tem sido de protesto na capital Paulista, a polícia militar e tropa de choque está respondendo à manifestação com bombas e tiros de borracha, entre os manifestantes existem baderneiros que quebraram diversas fachadas de bancos e lojas no centro de SP, assim como em frente à redação do jornal Folha de S. Paulo, no bairro de Campos Elíseos.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.