About Me

Band e a jogada de marketing com a baixaria

Após a polêmica envolvendo nomes como de Daniela Albuquerque e Wanessa protagonizada pelo humorista Rafinha Bastos agora chegou a vez do Pânico Na Band 'exagerarem' na baixaria, se é que isso é possível. Hoje na coluna de Keila Jimenez na Folha comenta-se que a brincadeira não foi bem aceita pela alta direção da Band, começasse então a jogada atrás de audiência.
Se a emissora realmente estivesse preocupada com isso não teria contratado a trupe de Emilio Surita, afinal, a turma do Pânico já desde a rádio são capazes das maiores atrocidades em busca de audiência e mídia, é o custe o que custa: falem mal, mas falem de mim.
Hoje por exemplo dois integrantes do programa dominical 'invadiram' o programa Muito Mais, referência de babaquice nas tardes da televisão brasileira, para polemizarem sobre a briga entre Adriane Galisteu e Ana Hickmann - semana passada Galisteu disse que um filho melhoraria o jeito de Hickmann, quando comentava um tal desentendimento de Hickmann com Chris Flores, ambas da Record.
A invasão que não estava com,binada, segundo Galisteu, acabou com uma ameaça, já que eles vão me investigar vou investigar eles também, disse a apresentadora sobre Vesgo (Rodrigo Escarpa) ser parente de uma apresentadora. A brincadeira não aceita pela alta direção da emissora foi o fato de Surita mandar raspar a cabeça de uma assistente de palco, neste momento levando a emissora a liderança absoluta no Ibope, na noite de domingo, com média de 11 pontos.
Agora me diz, a emissora que se gaba do bom jornalismo e cobertura nas eleições, que segundo ela mesma é são as melhores da televisão brasileira, consegue mesmo picos de audiência, através da mais baixa forma de se comunicar, exibindo baixaria, é a jogada de marketing (a moça já está sondada para posar para a Playboy, se é que já não estava) da imprensa marrom que está invadindo a emissora nos últimos meses.
Está na hora realmente de desligar a TV, nem que seja para dormir ou só tomar um chopp.

Postar um comentário

0 Comentários